Poemas no espírito da Poesia!

"Ja disse o homem que depois/ Morreu e ficou na memória./
Que existe uma coisa na roda da história/ Que uma camada pra trás quer rodar./
Mas estes não servem/ Pra pôr sua mão nesta manivela/
Ficarão a margem olhando da janela/
A luta do povo esta roda girar."

(Ademar Bogo - CD Arte em Movimento).

Seguidores

domingo, 20 de fevereiro de 2011

APENAS OLHAR


Olhar distante.
Olar que invade.
Olhar que fala.
Olhar luz...





Assim como a voz que penetra os ouvidos
Como um ato de fecundação do verbo...
Os olhos penetram outros olhos...
Como um ato de comunicação indizível.


Olhar invasivo.
Olhar intensivo!
Olhar convidativo...
Olhar compassivo.


Apenas ternura.
Apenas abraço.
Apenas perdão.
Apenas coração!

2 comentários:

lucy disse...

olhos... espelhos da alma... mui lindo!!!
bejos...
Cy

Amapola disse...

Bom dia.
Os olhos falam muito. São o espelho da alma.

Um abraço.
Maria Auxiliadora (Amapola)